Saúde

Bandidos incendeiam Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS) após tentativa de roubo


Bandidos invadiram o Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS) de Madre de Deus, região metropolitana de Salvador, na noite de segunda-feira (10/07), resultando em um incêndio devastador. A intenção dos criminosos era roubar equipamentos eletrônicos e outros objetos valiosos.

Segundo informações do Informe Baiano, o vigilante flagrou a ação criminosa e, apesar de ter sido imobilizado, conseguiu se libertar e trancar os bandidos em um dos cômodos. Ele então saiu em busca de ajuda. Infelizmente, nesse intervalo de tempo, a quadrilha conseguiu arrombar a porta e provocou o incêndio no local, fugindo logo em seguida. O vigilante, por sua vez, conseguiu controlar as chamas.

A 10ª Companhia Independente da Polícia Militar (10ª CIPM) foi acionada para verificar a invasão e os danos causados pelos indivíduos na unidade de saúde, localizada em Quitéria Nova, Madre de Deus, conforme comunicado oficial da PM.

“Após chegarem ao local, os policiais constataram a veracidade dos fatos. Foram realizadas rondas na tentativa de localizar os suspeitos, mas eles conseguiram escapar. Até o momento, ninguém foi preso. O caso será investigado pela Polícia Judiciária”, informou a PM.

A Polícia Civil relatou que o incidente foi registrado na noite anterior na 17ª Delegacia Territorial de Madre de Deus. Segundo relatos, quatro suspeitos invadiram a unidade de saúde e foram trancados pelo vigilante, que saiu para pedir ajuda. Ao retornar, ele se deparou com o local em chamas, pois o grupo havia ateado fogo antes de fugir. A investigação já está em andamento com o objetivo de identificar e localizar os envolvidos.